Ler Edição

Janeiro 2018

Expectativas do mercado mantêm-se em alta em janeiro

  • Crescimento da procura e das vendas acelera
  • Expetativas de curto prazo continuam a melhorar
  • Falta de oferta limita o crescimento dos preços

Ricardo Guimarães

Diretor da Ci

“Os preços estão a recuperar e, a nível geral, estão a aproximar-se do patamar pré-crise. Essa é uma verdade numa ótuca nacional e mesmo regional. No entanto, em alguns mercados, especialmente em Lisboa, é evidente que os preços crescem de forma desligada da evolução do rendimento das famílias. Isso começa a preocupar os agentes, que referem a dificuldade em encontrar casas à venda a preços compatíveis com a procura tradicional para fins habitacionais.”

Simon Rubinsohn

Economista Sénior do RICS

“A economia portuguesa registou novamente um ritmo de expansão sólido durante o último trimestre do último ano, com um crescimento de 0,7%. Isto resulta numa taxa anual média de 2,7% em 2017, a maior subida do PIB desde o ano 2000. Os dados recentes apontam para um começo próximo desse ritmo em 2018, com este bom momento a, provavelmente, providenciar um suporte favorável para a evolução do mercado da habitação.”